Log In
Clique para entrar

UFJF

Comitê UFJF

Juiz de Fora

      Juiz de Fora possui aproximadamente 520 mil habitantes. Possui umalocalização privilegiada, estando próxima da capital Belo Horizonte (270 km) e das cidades do Rio de Janeiro (180km) e da cidade de São Paulo (480km). É uma das cidades brasileiras com melhores índices de qualidade de vida e assume o papel de cidade-pólo da Zona da Mata Mineira, no Sudeste do Estado de Minas Gerais, oferecendo uma série de serviços nos mais diversos setores. Juiz de Fora possui clima tropical de altitude e está localizada na Serra da Mantiqueira, estando localizada a 678 metros de altura do nível do mar.

     

 

 

 

Em Juiz de Fora existem museus como o Museu Mariano Procópio (localizado no parque de mesmo nome) e o Museu de Arte Moderna Murilo Mendes. Outro lugar para visitação é o Morro do Imperador (situado a 1492 metros acima do nível do mar, de onde se tem uma das mais belas vistas da cidade). A cidade realiza anualmente um dos maiores festivais de música clássica do mundo, o Festival Internacional de Música Colonial Brasileira e Música Antiga, importante por resgatar e divulgar a produção musical barroca brasileira.Anualmente também ocorre o Miss Brasil Gay. Outro monumento da cidade, encontrado na rua Halfed (calçadão da cidade), é o Cine Teatro Central, um local onde ocorrem várias apresentações culturais. Por fim, está localiza-se nessa cidade a Universidade Federal de Juiz de Fora.

Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)

     

                                                              A UFJF foi criada em 1960, por ato do então Presidente Juscelino Kubitschek.  AUFJF reúne na atualidade 16 unidades acadêmicas, agregando 35 cursos de graduação, 23 cursos de mestrados acadêmicos, três mestrados do tipo profissional e nove cursos de doutorado.

      

Faculdade de Medicina da UFJF

      A Faculdade de Medicina da UFJF, foi criada na década de 50. Atualmente a Faculdade de Medicina se localiza no Campus da UFJF. Está, no entanto, em andamento, a construção da nova Faculdade de Medicina, ao lado do HU/CAS – UFJF (Unidade Dom Bosco).

      O Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora oferece programas de pós-graduação, através de Residências Médicas, cerca de 20 especialidades médicas,  e em outras áreas da Saúde. Conforme a especialidade, os residentes concursados podem atuar no antigo HU (unidade Santa Catarina), onde estão localizados os Centros Cirúrgicos, Unidade de Tratamento Intensiva, Internamento, Ambulatórios de Cardiologia e Neurologia e Psiquiatria, ou no recém-inaugurado Centro de Atenção à Saúde – HU_CAS (unidade e Dom Bosco), que concentra as diversas especialidades atendidas pela Unidade Ambulatorial do HU/UFJF.

Comitê Local

Um dos mais antigos comitês da IFMSA-Brazil, a UFJF já foi um dos ativos e passou por momentos de 

decadência ecrescimento – hoje estamos num momento de reestruturação e fortalecimento. A grande participação do nosso comitê dentro a IFMSA-Brazil pode ser notada pelo depoimento do nosso alumni, Rodrigo Souza:

 “Entrei na então IFLMS como LEO em 1998. Naquele momento havia quatro integrantes da Diretoria em Jui

z de Fora: Isabella Dutra – Vice-presidente, Luiza Urso Pitassi – tesoureira, Danielle Bertollini – NEO e Alessandra – NORE. A presidente se chamava Cibelle e era de São Jose do Rio Preto. Tudo era muito difícil e as meninas de Juiz de Fora lutavam para estruturar a IFLMS como instituição, criando seus estatutos e bases jurídicas, CNPJ e criação de conta bancária […]. Em março de 1999 participei da minha primeira GA na Eslovênia, representando a NORE e acompanhando a Isabella, Luiza e 

Danielle. Nessa época a IFLMS não tinha recursos suficientes, então tivemos que conseguir patrocínios, apoio da UFJF, organizamos cursos e festas para cobrir as despesas da viagem […]. Em Agosto de 1999 participei da minha primeira GA como NEO, no México, na companhia de Ronnie de Andrade Vieira – NORE (JF) e Wesley Magnabosco – Presidente (SJRP). […]Nessa época o restante da diretoria era composto pelo vice- presidente Marcelo (catanduva) e o tesoureiro Guilherme (SJRP). Durante nossa gestao os intercambios passaram a funcionar de forma eficiente e a IFLMS tornou-se financeiramente independente. Passamos a realizar nossos encontros nacionais com parte dos custos bancados pela IFLMS também. […] Quando sai da IFLMS ainda havia dois membros da diretoria de JF, a Carol como NEO-incoming e o Caca como Nore. […]”

O comitê UFJF é reconhecido localmente pelas suas atividades relacionadas ao intercâmbio, e hoje damos continuidade a esse trabalho, além de fortalecer a parte de campanhas e intercâmbio. Como prova disso, já foram realizadas nos últimos sete meses a campanha do Free-Hugs, o STOP-TB, Comabte de Queimaduras em Ambiente Doméstico e a nossa segunda mini-AG com a participação ilustre do comitê UFRJ e do atual NOME (Guilherme Torezani).

Hoje possuímos uma equipe representativa com os seguintes cargos: Presidente, Vice-Presidente, Tesoureiro e os diretores dos comitês permanentes. Contamos com 18 membros oficiais, 5 observadores externos e 6 trainees.

Campanhas, Projetos e Eventos

           Free-Hugs                      Combate a Queimaduras                 STOP-TB           


         

                                                                      II Mini-AG


Reuniões do comitê

  • 12/08 – Primeira reunião do comitê no DA

Perfil do comite no facebook

http://www.facebook.com/profile.php?id=100002377731160
Pular para a barra de ferramentas