Posicionamento – Política & IFMSA Brazil: Conjuntura Política Nacional de 2018

26 de outubro de 2018

Posicionamento da Diretoria Executiva acerca da atual conjuntura política nacional

Nossos Valores e Visão Política

A IFMSA Brazil é uma organização formada por estudantes de medicina de todas as unidade federativas do Brasil, atualmente presente em 146 escolas médicas, tendo como valores principais em sua atuação a humanização, a união, a ética, a equidade e a cidadania.

Por meio de nossos membros filiados, buscamos causar um impacto positivo na sociedade em geral. Estes atuam ativamente como agentes de mudanças nos contextos nos quais se inserem e também como Entidade Representativa que intervém diretamente na formação de futuros profissionais médicos, capazes de atuar da melhor forma possível em nosso sistema de saúde de acordo com as necessidades de nosso país e de nossa população.

Além disso, a IFMSA Brazil é uma instituição representativa independente, suprapartidária e promotora de ideias humanitárias.

Por isso, posicionamo-nos acima de qualquer ideologia de partido político, estando assim, abertos para reunir pessoas de diversas filiações e até mesmo sem nenhuma delas.

O órgão suprapartidário difere-se do apartidário por possuir posicionamentos e lutar pelos interesses de seus membros na defesa de seus valores. Ademais, entende-se o advocacy (defesa e argumentação a favor de uma causa) como principal ferramenta na defesa dos posicionamentos estabelecidos pelos membros frente órgãos públicos e associações médicas.

É importante ressaltar que, devido ao exposto, quanto cidadão, qualquer membro tem o direito de possuir seus candidatos, partidos e demais posições políticas, contudo, em nenhum momento poderão ser professados como sendo também os da instituição.

Respeito ao contraditório

A IFMSA Brazil objetiva, como um dos seus princípios, trabalhar a humanização em todas as suas frentes de atuação: seja em atividades ou em debates entre os membros filiados. E, para não ferir este princípio, ressaltamos a importância dos discursos de nossos membros serem sempre pautados no respeito ao outro indivíduo a quem se dirige o discurso. Torna-se necessário construir pontes, visando estabelecer uma comunicação, e não barreiras originadas pela diferença de perspectivas de princípios morais de cada um.

Neste tópico, não se discute a visão ideológica ou a corrente de pensamentos existentes atualmente, mas sim a necessidade de nunca se esquecer de que o debate ocorre entre seres humanos que pertencem a uma federação que preza pelo respeito ao outro.

Se o discurso fere os princípios da federação, devemos debater sobre o assunto, respeitando o princípio de liberdade de pensamento tão valorizado por nossa instituição. Contudo, a IFMSA Brazil repudia qualquer tipo de debate inundado de discurso de ódio ao ser humano que pensa diferente.

O debate saudável entre os estudantes de medicina filiados à IFMSA Brazil deve conter argumentos de defesa ideológica ou de princípios morais de cada ideal, uma vez que a federação é suprapartidária e tem visões políticas. No entanto, ao apresentar palavras de agressão e violência, o debate perde o seu valor de respeito.

Direitos Humanos

Foi em 1948 que, frente ao caos e barbárie, fez-se necessário a criação da Declaração Universal de Direitos Humanos, a qual assegurou o reconhecimento da dignidade e a igualdade em direitos, sem distinção. Foi em 1948 que, após caos políticos e sociais, tornou-se essencial a elaboração de um documento universal em que assegurava a proteção dos direitos do Homem através de um regime de direito, considerando a mais alta inspiração do Homem um mundo em que os humanos sejam livres de falar e de crer. Foi em 1948, então, que o mundo decidiu por tornar fundamental que todos os humanos nascem livres e iguais, com direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal, sem submissão de tortura e tratamentos desumanos e sem que alguém sofra intromissões na vida privada, na família, no domicílio ou na correspondência. Assim, todo ser possui, por si só, direito à liberdade de pensamento, de opinião e expressão, implicando em revolta contra tirania, ditadura, fascismo e qualquer regime de opressão e soberania que venha a ferir os direitos fundamentais do Homem e a ampla liberdade.

Frente a isso, entende-se a afirmação de valores da IFMSA Brazil como valores já propagados e estabelecidos de acordo com os direitos humanos, objetivando princípios de que todos os indivíduos têm acesso pleno e igual aos seus direitos humanos, sejam estudantes de medicina, profissionais da área da saúde ou pacientes.

Dessa forma, compreendemos que nossa função é resistir a toda e qualquer ameaça à liberdade de opinião, ao respeito e à equidade, reforçando a ideia de unir diversas formas de pensamento que contribuam para um sistema de saúde igualitário, equitativo e universal, independente de vulnerabilidade, a fim de promover e proteger os direitos humanos e a paz.

A IFMSA Brazil tem a visão de um mundo em que todos os estudantes de medicina se unam pela saúde global e pelos direitos humanos com a missão de unir graduandos que lideram iniciativas de impacto positivo nas comunidades que servimos, representando as opiniões e ideias de futuros profissionais de saúde no campo da saúde, enquanto abraça a diversidade cultural para moldar um futuro sustentável e saudável, repugnando qualquer tipo de regime que venha a ferir a liberdade e o acesso à direitos básicos, como o direito de expressão e o direito à saúde de maneira igualitária para toda e qualquer pessoa da sociedade.

Diretoria Executiva da IFMSA Brazil
Gestão 2017/18